O que é e qual a importância da gestão de recursos financeiros?

A gestão de recursos financeiros é um dos principais pilares da administração de qualquer empresa. É com essa ferramenta que é possível manter a organização em uma posição competitiva em relação ao mercado. 

Os profissionais responsáveis precisam lidar com o fluxo de caixa – entradas e saídas -, pagar os débitos, identificar gastos desnecessários e fazer todo o plano financeiro

Quando pensamos nesse assunto, geralmente imaginamos empresas de grande porte, porém, ele é essencial para todas as companhias, independente do seu tamanho. Afinal, a partir de um bom controle é possível apostar em novos investimentos e expandir seus negócios

Do que se trata a gestão de recursos financeiros de uma empresa?

A gestão de recursos financeiros é o conjunto de metodologias, ações e processos administrativos que controla o capital disponível. 

Serão gerenciados receitas, despesas, todos os custos fixos e variáveis, diretos e indiretos, investimentos, etc. Com um bom gerenciamento é possível gerar maior lucratividade para a organização. 

Portanto, é com a administração desse aspecto organizacional que a empresa consegue realizar o planejamento e traçar orçamentos precisos, visualizar o capital de giro e o equilíbrio entre débito e crédito. 

Qual a importância da gestão de recursos financeiros eficiente?

Em qualquer negócio, os fundos são uma grande preocupação. Ter uma boa gestão do capital traz benefícios além do óbvio, não restringindo-se apenas aos pagamentos ou compromissos em dia.

Além disso, é extremamente importante para o crescimento da empresa, sendo possível identificar se os gastos estão sendo direcionados para os setores corretos, se não há nenhum tipo de falha ou fraude no fluxo de caixa, aumenta também o compliance

Pensando em longo prazo, é a correta administração do capital que será responsável pelo crescimento da organização, afinal, quanto mais sólida, maiores as chances de se desenvolver.

Como realizar a gestão de recursos financeiros?

A gestão de caixa é, inegavelmente, fundamental para qualquer empresa que deseje crescer. Essa administração, porém, pode variar de acordo com o perfil e objetivos de cada organização.

A administração dos recursos pode parecer simples: apenas realizar o controle do fluxo de caixa, receitas, etc. Porém, se trata de uma atividade que precisa de organização e regularização para realmente funcionar.

Além disso, os gestores devem manter uma visão analítica, ter atenção a fatores específicos e considerar os objetivos e situação atual da empresa.

Apesar de não ter uma fórmula para se seguir, tendo em vista que cada empresa terá objetivos particulares, existem algumas dicas que podem ser úteis na hora de pensar em uma gestão de recursos financeiros eficiente, sendo elas:

  • fazer um bom planejamento;
  • interpretar os dados;
  • usar a tecnologia.

Fazer um bom planejamento

O primeiro passo é definir o planejamento financeiro. Para isso é necessário considerar alguns pontos importantes: Quais são os objetivos da empresa? Quais são as melhores metodologias e ferramentas disponíveis para que os objetivos sejam alcançados?

A cultura organizacional da empresa irá contar pontos para esse passo; é necessário reunir a equipe e definir quais serão as ferramentas escolhidas para realizar a administração do capital, quais são os desafios que o setor tem enfrentado e qual será a metodologia mais adequada para lidar com esses desafios. 

Nesse passo também será realizada a distribuição de recursos, qual porcentagem do caixa será destinado a cada área, etc. 

É fundamental que as metas sejam realistas, afinal, só dessa forma é possível garantir que elas serão cumpridas de acordo com o planejamento proposto. 

Interpretar os dados

O próximo passo dessa gestão é a interpretação dos dados recolhidos. Alguns dos dados que devem ser analisados durante essa etapa são:

  • fluxo de caixa da organização;
  • margem de contribuição;
  • capital de giro;
  • ticket médio;
  • controle de estoque;
  • controle de lucratividade;
  • análise dos resultados;
  • orçamentos;
  • ativos, pagamentos e cobranças.

Além da análise desses pontos, é importante levar em consideração o momento econômico do setor em que a organização atua. 

Usar a tecnologia 

A tecnologia pode trabalhar lado a lado com os responsáveis pelo setor nesse momento. Existem diversos softwares de gestão financeira que podem ser utilizados como aliados nessa etapa. 

Os softwares permitem que as informações necessárias sejam encontradas em um só lugar, livrando o gestor de planilhas complexas, notas fiscais físicas e relatórios complicados. 

O software da Flash Expense pode ser utilizado não apenas nessa etapa, mas sim, facilitando todo o controle mantendo todas as informações cruciais a um clique de distância. 

Não é necessário ficar horas trabalhando em cima de pilhas de papel para checar KPIs. Economize o tempo de atividades burocráticas e se concentre em atividades geradoras de receita.

Quer saber mais sobre ferramentas que podem automatizar o setor financeiro? Baixe nosso guia com 5 ferramentas essenciais para automatizar a rotina da sua empresa e saiba mais.

Quais são os impactos de uma má gestão financeira?

A má administração financeira pode trazer infinitos impactos para uma empresa, alguns até fatais, acarretando no encerramento das atividades. O primeiro impacto, é, obviamente, financeiro. A dor será no pior local possível: no bolso.

Em casos mais extremos, o reflexo será sentido logo no primeiro momento, porém, na maioria dos casos, é sentido a longo prazo.

A falha financeira pode ser evitada com um bom controle de recursos, infelizmente, em alguns casos isso só é percebido tarde demais.

Outro impacto comum é o erro de cálculo dos preços de venda, o que afeta diretamente a lucratividade e a rentabilidade, podendo prejudicar todo o planejamento e orçamento empresarial 

A falta de informações básicas como valores de contas a pagar, estoque, saldo do caixa, etc, pode afetar o desenvolvimento de uma empresa e torná-la devedora. 

A falta de uma boa gestão de recursos financeiros pode ser fatal, impedir seu crescimento e colocar em risco toda a operação. Empresas podem se afundar em dívidas que muitas vezes passam despercebidas no primeiro momento. 

Com as ferramentas certas, a administração torna-se mais simples e confiável. Assim, a saúde financeira de uma empresa, que é seu pilar principal, fica mais estável.

Por isso, a ferramenta da Flash Expense traz todas as soluções necessárias para auxiliar no controle de despesas corporativas.

Sem planilhas complexas, recibos e notas fiscais em papel e horas perdidas com a criação e análise de relatórios de gastos da organização.

Conheça uma plataforma completa que traz emissão de relatórios em poucos segundos, digitalização de recibos, integração com ERP ou sistema contábil, além de regras personalizadas e alçadas de aprovação automatizadas para facilitar a rotina. 

Quer saber mais sobre como a Flash Expense pode tornar sua gestão de recursos financeiros mais simples, objetiva e confiável? Solicite uma demonstração gratuita e conheça tudo que podemos fazer por você.

Flash Expense Help Chat
Enviar via WhatsApp