O que é e qual a importância da auditoria financeira em uma empresa?

Auditor fazendo auditoria financeira

As auditorias financeiras são cada vez mais comuns em empresas que buscam evitar riscos, otimizar processos e organizar o departamento financeiro. É através delas que gestores encontram oportunidades para tornar a companhia mais lucrativa e eficaz.

Ou seja, trata-se de um procedimento de extrema importância, independentemente do porte ou ramo de atividade, para uma boa gestão financeira empresarial. Mas por quê?

O termo é amplamente utilizado por profissionais da área financeira e de negócios. Nem todos, no entanto, entendem a verdadeira necessidade de se realizar auditorias no departamento e processos financeiros de uma companhia.

Apenas os relatórios e demonstrativos financeiros, além de outros KPIs, já não são suficientes para identificar a saúde financeira da empresa? Não. É por este motivo que existe esse tipo de checagem minuciosa realizada por auditores.

Ao longo deste conteúdo, vamos explicar o conceito de auditoria financeira, mostrar sua importância, como é feita e por que companhias precisam desse tipo de processo para se manterem competitivas e saudáveis. Acompanhe a leitura.

O que é uma auditoria financeira e para que serve?

A auditoria financeira é um processo que analisa a saúde financeira da empresa como um todo ou em áreas pré-determinadas. É essencial para a prestação de contas junto a órgãos públicos ou mediante investidores, processos de M&A e etc.

As rotinas do departamento, além de procedimentos executados e registros, são avaliados com o objetivo de entender se tudo está de acordo com o planejamento e dentro das normas estabelecidas pela lei e pelo compliance da própria companhia.

Nesse sentido, é possível comprovar a eficiência, evitar riscos financeiros e assegurar a adequação operacional.

De acordo com o ISAI 200 (Normas Internacionais de Entidades Fiscalizadoras Superiores), a auditoria financeira tem como propósito final aumentar a confiança de clientes, investidores e fornecedores em relação à companhia.

Também podemos citar como objetivos finais da auditoria financeira a fiscalização da eficiência do controle, balanço patrimonial, situação patrimonial. A atenção para falhas no setor financeiro, além de controles internos, também é um benefício.

Tudo isso caminha junto ao cumprimento de normas e leis, fortalecendo o compliance da companhia.

Os diferentes tipos de auditoria financeira

Uma auditoria pode ser feita em todo o financeiro da companhia ou apenas em determinadas áreas. Dentro do espectro contábil, por exemplo, certifica-se de que os saldos registrados estejam de acordo com os valores reais, assim como os valores encontrados nas contas bancárias, no caixa e etc.

Por isso, há diferentes tipos de auditoria específicas como, por exemplo:

Independentemente do tipo de auditoria, é importante que seja aplicada de forma planejada. É esse processo que irá mostrar, com dados reais, se a empresa está cumprindo com a legislação vigente.

Para saber mais sobre auditoria de reembolsos de despesas, e como preparar sua empresa corretamente para ser auditada, leia nosso guia completo de auditoria de reembolso.

Quando se faz uma auditoria financeira?

Não existe um momento ideal para realizar a auditoria financeira. É uma ação preventiva para certificar que os processos internos da empresa estão seguindo as normas, mas também reativa a possíveis indícios de problemas.

Por exemplo: se o gestor encontra sinais de fraude nos reembolsos a colaboradores, é preciso acionar auditores internos ou externos para fazer uma checagem.

Sendo assim, o ideal é definir uma periodicidade para a auditoria ser realizada. Essa periodicidade será definida de acordo com cada empresa.

É importante lembrar que, independente do porte da empresa, realizar a auditoria é necessário. E quanto maior a frequência, maiores serão os benefícios.

Como fazer uma boa auditoria financeira?

Como citamos anteriormente, a auditoria financeira traz uma série de benefícios para a empresa: é um facilitador para o cumprimento do compliance. Aumentando a boa reputação da empresa; seja para os colaboradores internos ou externos, clientes e fornecedores.

A auditoria financeira ideal é realizada por empresas especializadas. Com profissionais neutros é possível chegar a resultados imparciais.

É necessário verificar registros, demonstrações contábeis, extratos bancários, fluxo de caixa e o controle financeiro como um todo de forma isenta. 

Para realizar a auditoria é importante atentar-se a alguns pontos: mapeamento de processos, identificação de riscos, identificação do controle interno, testagem do controle interno e análise dos resultados. 

Mesmo com a recomendação sendo para a auditoria ser realizada por um profissional neutro dos processos da organização, é possível ser internalizada.

Algumas ferramentas podem ser utilizadas para facilitar a auditoria financeira: a digitalização de despesas corporativas e a emissão de relatórios de despesas são algumas delas.

Vantagens da auditoria financeira 

A maior vantagem da auditoria financeira é ter em mãos os dados que demonstram de fato qual a situação real da empresa, como registros contábeis como valores, planilhas e documentos confiáveis e reais. 

Além disso, é a auditoria financeira que irá apontar possíveis falhas nos procedimentos internos, demonstrando se há desvios ou possíveis fraudes e furtos. 

Neste post abordamos os principais pontos sobre auditoria financeira, qual o objetivo, maiores vantagens e como realizar.  
Para entender mais sobre como podemos otimizar os processos com nossas ferramentas e tornar seu financeiro mais seguro, além de aumentar seu compliance, solicite uma demonstração grátis e converse com nossos especialistas!

ExpenseOn Help Chat
Enviar via WhatsApp